Atividade Física

Alimentação

Sedentarismo

Viva Com Saúde Total

Browse By

Psoríase: Vejas as principais causas e os melhores tratamentos para Psoríase

Primeiramente, a psoríase é uma doença autoimune. Ela é uma doença de causa incerta, mas que ocorre pela inflamação causada por disfunção do sistema imunológico.

Essa doença afeta 2 a 3% da população, causa inflamação no corpo, podendo haver sinais visíveis, como placas elevadas e escamas na pele. 

Nesse artigo vamos entender quais as causas e como é o tratamento para a doença.

O que causa a psoríase?

Primeiramente não se sabe exatamente o que causa a psoríase, apesar de sabermos que é uma doença causada pelo sistema imunológico. É sabido também que e a genética desempenha um papel importante para quem desenvolve a doença.

Ou seja, a psoríase é uma doença que ocorre pelo seu sistema imune e por causa da genética. Por isso, a psoríase não é contagiosa. Você não pode pegar psoríase de outra pessoa.

Sintomas da doença

A psoríase é caracterizada por placas elevadas e escamas na pele que podem aparecer em qualquer parte do corpo: pálpebras, orelhas, lábios, dobras cutâneas, mãos, pés e unhas.

As placas podem ser pequenas manchas ou podem afetar grandes áreas. É possível ter placas e escamas de psoríase em mais de um local do corpo ao mesmo tempo.

Veja alguns tipos de locais que a doença pode afetar:

  • Psoríase Genital : é muito comum, afeta a pele da região genital, bem como a parte interna e superior das coxas.
  • Mãos, pés e unhas
  • Psoríase do couro cabeludo: afeta a maioria das pessoas com psoríase.
  • Nas dobras da pele: como sob os braços e seios, também podem ser afetadas pela psoríase. Essas áreas costumam ficar irritadas por fricção e suor.
  • Psoríase Facial: afeta qualquer área do rosto, incluindo as sobrancelhas, a pele entre o nariz e o lábio superior, bem como a parte superior da testa.

Além disso, a doença causa uma coceira que pode ter um impacto maior na qualidade de vida do que o efeito visível da doença. A pele fica seca e rachada e pode até sangrar com a coceira.

Fatores associados ao desenvolvimento de psoríase:

  • Pessoas acima do peso
  • Excesso de consumo de álcool
  • Alguns usos de medicamentos, como carbonato de lítio.

Como é o tratamento?

É importante entender que essa doença não possui cura, portanto, o tratamento visa diminuir e prevenir a doença.

Um dos tipos de tratamento é o uso de cremes e pomadas aplicados diretamente na pele podem ser úteis para reduzir a psoríase leve a moderada. Como: corticosteroides tópicos, retinóides tópicos, análogos da vitamina D e ácido salicílico hidratante

No entanto, para pessoas que possuem a doença na forma moderada ou grave, será necessário o tratamento sistêmico. Como por exemplo, o uso de curto prazo e com acompanhamento médico de metotrexato,ciclosporina e retinóides.

Além disso, há o tratamento com luz UV ou Luz solar natural. A luz solar combate os glóbulos brancos hiperativos que estão atacando as células saudáveis ​​da pele e causando o rápido crescimento celular

Cuidados para quem vive com psoríase

Pessoas com psoríase têm maior probabilidade de apresentar problemas de depressão e autoestima. Você pode se sentir menos confiante quando a doença aparece. Por isso, é necessário cuidar da doença, mas também da sua saúde mental.

Além disso, como o estresse poda impactar o sistema imunológico, pessoas com a doença tem uma maior resposta da doença quando estão em estado de estresse. Por isso, é necessário cuidar da saúde emocional, evitando situações de estresse.

Por fim, é necessário combater os fatores de risco, como excesso de álcool e obesidade. Para que você viva melhor com a doença, além de claro, ter sempre os cuidados recomendados pelo seu médico.

Saiba mais sobre doenças na pele

AVISO LEGAL

O conteúdo disponibilizado neste Portal tem caráter educativo e Informativo, visando ao esclarecimento de dúvidas em relação a medidas preventivas de saúde, exames diagnósticos, tratamentos e problemas de saúde diversos, baseado em pesquisas realizadas em diversas fontes disponíveis na Internet. As informações constantes dos vídeos e Artigos publicados nesse site não substituem consultas a profissionais médicos, nem têm por objetivo ou devem ser interpretadas como diagnóstico, recomendação de plano de tratamento e muito menos prescrição de medicamentos. Em caso de dúvidas, procure seu médico.

Selecionadas Pra Você

    • This category has no posts!

Selecionadas Pra Você